Baphomet, o deus Shiva da tríade hindu, a Monas Hieroglifica de John Dee e o Diabo.

Baphomet, o deus Shiva da tríade hindu, a Monas Hieroglifica de John Dee e o Diabo.

Simbologia é um dos meus assuntos preferidos. Há algum tempo tenho estado interessado nas relações que encontrei entre as representações do Baphomet de Eliphas Levi, o deus Shiva da tríade hindu, a Monas Hieroglífica de John Dee e o Diabo como representado pela Igreja Católica.

 Em primeiro lugar me chamou a atenção nas semelhanças na postura entre Shiva e o Baphomet. Na maior parte das ilustrações de Shiva ele está sentado sobre uma pedra, assim como o Baphomet. Embora Shiva possua quatro braços em uma de suas mais conhecidas representações (há representações com apenas dois), e o Baphomet possua apenas dois braços, não pude deixar de perceber que os braços que estão em primeiro plano, um aponta para cima e o outro para baixo, como no Baphomet (“assim em cima como embaixo, assim embaixo como em cima”).   Tanto Shiva como o Baphomet tem um aspecto andrógino (Shiva possui cabelos longos, cílios longos nos olhos e lábios vermelhos e o Baphomet possui mamas de mulher).

A Monas Hieroglífica também apresenta uma postura que lembra uma figura humana, com o Sol como cabeça, a cruz como corpo e braços e Ignis (Áries) como as pernas.

 Todos os quatro, Shiva, Baphomet, Monas e Diabo possuem um par de cornos (que representam esotericamente a divindade). Em Shiva e na Monas de John Dee não é muito fácil visualizar os cornos, pois trata-se da Lua deitada (formando um semi-círculo com as duas pontas voltadas para cima).

Além disto, o Diabo sempre é representado com um tridente, e surpresa!

            O que está nas mãos de Shiva? Um tridente!

No hebraico a letra que relaciona-se com um tridente é “shin”. Seu significado esotérico é o “Espírito”.

Um companheiro inseparável do Diabo é a serpente tentadora (como a que tentou Adão e Eva no Gênesis e a que tentou Jesus no deserto). E o que vemos enrolado nos braços e no pescoço de Shiva? Serpentes! E no Baphomet o falo é substituído por um esculápio com serpentes.

No tarot, a carta associada com o Diabo é a 15, “A Paixão”. Pois no tarot egipcio a figura que aparece no arcano 15 é um ser com cabeça de chacal (como o Baphomet que tem corpo de homem e cabeça de bode) e com uma serpente na mão direita.

Finalmente, em três deles (Baphomet, Monas e Diabo) há a presença do fogo. Na cabeça do Baphomet, no inferno do Diabo em em Ignis na Monas. Fogo este que representa, em um sentido, a energia da Vida (sendo assim uma manifestação Fohatica).

Estas relações são bastante interessantes e fazem pensar no simbolismo ali presente. Deixo outras interpretações e outras relações para vocês mesmo descobrirem.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s